Reeducação Alimentar

Reeducação Alimentar

reeducacao_alimentar

A reeducação alimentar ensina seu corpo e sua mente a experimentarem as delícias de se comer bem, de forma saudável e muito saborosa. Do jeitinho que a Donantonia faz, com pratos deliciosos, coloridos e muito saborosos.

Reeducação alimentar, esse é o melhor jeito do seu corpo entender o que ele realmente precisa fazer para alcançar e manter uma boa saúde física e mental. Isso não tem nada a ver com essas dietas malucas que aparecem a todo o momento, o ideal é comer de tudo, na quantidade certa e fazendo a combinação perfeita. Você vai ficar em paz com a balança, com sua saúde e com sua autoestima.

A reeducação alimentar é muito mais uma mudança de hábitos do que uma dieta. Quando aprender a comer da forma correta, você vai se sentir bem e adotar essa nova maneira de viver a vida, de forma saudável. Você vai comer de tudo, apenas aprendendo a equilibrar as quantidades e fazendo as combinações corretas.

Essa nova postura diante do alimento é uma mudança de comportamento. Você precisa se conhecer a fundo e gostar de si mesmo. Nada de comer por impulso, descarregar toda a ansiedade nos doces, avançar nos carboidratos para saciar a fome. Pare para pensar apenas por  5 minutos, e certifique-se de que sua fome não tenha nada a ver com sentimentos. Alimente-se por necessidade do corpo e não do coração. Permita-se apreciar a comida, saboreando cada bocado.

Faça pratos bem arrumados e coloridos, comece comendo com os olhos! Mastigue devagar, sentindo o sabor dos alimentos, sinta a textura, o aroma. A saciedade vai chegar muito antes do que você costumava sentir.

Recheie a sua cozinha com as cores e sabores da natureza. Escolha folhagens com tons variados de verde, aventure-se pelas formas e colorações dos legumes e tenha sempre um arco-íris de frutas. Cores variadas representam vitaminas diferentes, todas elas muito importantes para ter aquela saúde de ferro.

Antes de torcer o nariz para essa mudança, permita-se experimentar! Você vai ficar impressionado com o verdadeiro sabor da comida de verdade. Naturalmente, vai reduzir as porções e até preferir os alimentos do grupo integral, que aumentam a saciedade.

As proteínas também precisam ter lugar de destaque nos seus pratos, principalmente a carne branca das aves e dos peixes.

Nada de abrir mão do café da manhã. E até uma verdurinha pode ter lugar nessa refeição: que tal um sanduíche de ricota com espinafre?

Abuse das saladas e legumes e acrescente no seu preparo algumas sementes para dar mais crocância e aumentar a quantidade de fibras da sua dieta diária. Lembre-se de tomar muita água, no mínimo 1 litro e meio por dia.

Complemente a reeducação alimentar com atividade física, que libera substâncias importantes para o sistema nervoso, que tem total ligação com o ato de comer. Além de manter a saúde, você vai sentir-se melhor, por dentro e por fora.